Sou gordinha sim, mais tudo tem limite. (Saúde)

Sou gordinha sim, mais tudo tem limite. (Saúde)

Um amigo me indicou um tema: O Limite da comilança!

A história é a seguinte, ele me contou sobre uma amiga que era gordinha e não se amava. Sentia-se frustrada, sempre estava para baixo e todas aquelas coisas que até eu já senti. Mais com muito incentivo de amigos e parentes, ela ‘começou’ a se amar, começou a tentar se aceitar, a se sentir linda e com uma alto-estima lá pra cima. Até ai tudo bem, na verdade até ai está ótimo! Porém, ela começou com aquele pensamento: “Bom vou comer tudo o que quero e além do que quero, já sou gorda mesmo. Então vou comer horrores.” Já sabemos o que aconteceu né? A saúde dela não estava nada bem, o fato dela ter engordado muito (chegou a obesidade mórbida) não é nada comparado ao estado de saúde que ela estava. Gente, eu não sei o final da história e não sei qual foi a solução. Mais diante dessa ‘história’ quero firmar cada vez mais uma coisa, além do SE AMEM o que eu quero dizer hoje é ‘SE AMEM REALMENTE’, de corpo e alma. Esse pensamento de “sou gorda mesmo tenho mais é que comer todas as besteiras e não to nem ai para minha saúde”, não é de aceitação de quem você é e não é nem um pouco o amor próprio. Isso é o valor inverso, você esta se aceitando por que os outros querem que você se aceite, é como uma roupa que você não gosta e é obrigada a vestir ou um namorado que sua família acha que é o cara da sua vida e você não o ama. Saúde e Amor próprio andam juntos. Quem se ama, sabe. Eu não sei se é um tipo de depressão, de verdade até tentei pesquisar mais sobre o assunto e não achei muito sobre isso (na verdade achei uns textos muito preconceituosos sobre gente gorda e desisti de procurar, pois fiquei enojada com o preconceito em forme de texto), nós gordinhas sabemos o quanto é difícil chegar ‘na fase’ de se amar, de se aceitar, de ter amor por todo o nosso corpo e alma. Essas coisas, acabam saindo do nosso controle. Acaba virando doença!

Eu sou gorda sim e me orgulho de ter passado tudo que passei. Não estou falando que eu sou regrada, eu como diversas besteiras e como mesmo. Mais sempre penso na minha saúde, sempre faço exames e me cuido o máximo e não é por causa das pessoas, mais por mim. Eu faço isso por mim, por que além de qualquer coisa que me rotulem ou que eu seja, eu me amo me amo tanto, sou paixonadissíma por mim. Por isso minha saúde e o meu amor andam juntos.

Lembrando que só estou dando um ‘conselho’ que é se amar inteiramente, se você não gosta de ser quem você é. Então, mude! Amor próprio não é aceitação de outras pessoas sob nós ou nosso corpo, não é aquele tal de ‘aceita que dói menos’. É muito além, é amor de dentro para fora é alma, essência e corpo. “Nossos corpos vão passar por muitas mudanças em nossas vidas. Nossos corpos mudam com o envelhecimento, gravidez, doença, perda de peso, ganho de peso, a lista continua. Uma coisa

que devemos fazer é aprender a amar os nossos corpos antes, durante e depois” – Taryn Brumfitt,

Quem puder, assista a esse vídeo completo. Só achei metade dele traduzido, essa mulher é divina. Vídeo completo tem 5 minutos. 

TEXTO DE MARIANA LIMA

6 pensamentos sobre “Sou gordinha sim, mais tudo tem limite. (Saúde)

  1. OMG minha amiga me mata de orgulho
    eu adorei seu texto, nunca pare de escrever, um dia você escreverá um livro… eu sonho em escrever um, sobre minha história que vc sabe bem. RSRSRS
    Parabéns
    #CHUPASOCIEDADE

  2. Lindo mary! Exatamente desse jeito que penso.. eu assino em baixo desse texto! Se amar independente de como é! Mas não se matar por isso! Achei lindo.. te admiro demais sua linda!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s